quinta-feira, 30 de julho de 2015

Mau-Gosto.


"Parece piada, mas não é. Uma foto de cunho machista, ofensivo e até violento foi eleita a vencedora de um concurso cultural promovido por uma agência esportiva nas redes sociais. Diferente do que eles esperavam, a reação dos seguidores da página foi de desprezo e revolta. E com muita razão."

cultural?

sim, no sentido que que "não dá pra evitar" ou "é o que o público quer", nesse sentido... lamentável

Até as propagandas de cerveja mudaram, pois, recentemente os gênios da publicidade sacaram que mulher também toma cerveja, não é incrível? Não são geniais?

Não dá para argumentar que publicidade na mídia seja uma coisa sem importância, irrelevante, talvez assim queiram os publicitários para que os reclames continuem sendo vistos acriticamente, se fossem coisas desimportantes, que não têm poder de persuasão, se assim fosse, ninguém gastaria milhões para ver sua marca e produtos veiculados na mídia de massa.

Vice-Almirante Preso. A Corrupção Combatendo a Corrupção.

O caso do vice-almirante preso (Othon Pinheiro da Silva), é muito estranho, não creio numa nova operação Condor, ou seja, os Estados Unidos patrocinando um golpe atual em toda a América Latina, enquanto vemos essa instabilidade na região por conta da mídia e de algumas instituições, como o congresso, a grande imprensa ou a justiça.

É mais provável que os patrocinadores desse golpe sejam mesmo o crime organizado. Basta olhar o tanto de crimes graves que não são investigados muito menos punidos.

Assim faz mais sentido. Não vivemos uma época como a dos anos sessenta, olha, até relações com Cuba estão sendo retomadas, e o Irã conseguindo um acordo militar...

Deve ser o crime organizado daqui da AL e dos EUA que desejam desestabilizar a região para impedir a moralização e o progresso que estão em curso por aqui.

quarta-feira, 29 de julho de 2015

...

lightning never strikes twice… but do you know what is a lightning-rod?

Dentes Doentes (Não é pra rir, plêibah!).

"Viagem inaugural do Titanic II que passara por Ilhabela em 2016 tem fila de espera com 50 mil"

quem batizou o lugar de Ilhabela era um grande marqueteiro e não sabia, daqueles que hoje só existem roubando, mas naquela época era autêntico 3:)

todo o mundo quer conhecer o lugar com esse nome tão lindo, que os marqueteiros são desonestos demais para serem eficazes: VENDO SLOGAN.

pow, minha mãe precisando tanto de dentista, e eu sem um tostão, ainda mato um 3:)

#CecilTheLion

Isolar um País é Penalizar Apenas seu Povo.

Você é a favor do bloqueio à Israel, e tem um argumento inteligente nesta defesa, sabe que classe média alta como você pratica boicotes sistemáticos e organizados por motivos vis, então um boicote por uma causa como a da palestina ou a da transexualidade, por exemplo, dá um pouco de nobreza a seus boicotes muito menos aceitáveis e até inconfessáveis que aquele, mas o mundo dá voltas, mano...

terça-feira, 28 de julho de 2015

Linchamento Simbólico e Linchamento Explícito.

Linchamento não é crime tipificado no Brasil. Tomando de empréstimo da sociologia, mas canibalizando ao mesmo tempo, dos conceitos de violência simbólica e violência explícita. No caso, a primeira seria saudável e a segunda, patológica. Estamos inventado os sintagmas de "linchamento simbólico" e "linchamento explícito", No entanto, nenhum dos dois é saudável. Ambos são práticas anômicas, e anômalas, mas anomia é pior do que anomalia.

Anomalia se resolve sozinha na dinâmica social. Anomia não, anomia só se resolve com a institucionalização de sua tipificação jurídica. Um mistério, que com tanta gente inteligente, ninguém consiga realizar tal tarefa no país.

O Linchamento Explícito é simples de se descrever, são muitas pessoas com sede de justiça, com razão ou não, que praticam violência física contra uma pessoa específica sem a necessária presença do Estado, às vezes, acontece também na presença deste que nada consegue evitar. Por ser muito mais comum em comunidades carentes, ninguém lembra de turmas de jovens ricos e estudados espancando, e matando ou não, um diferente, por exemplo. Estes os quais sempre saem impunes. São socos, chutes, pauladas e pedradas que são aplicados contra as vítimas, e nada impede que ocorram na presença do Estado. Mas, este linchamento é muito fácil de se entender, pois acredita-se que ver é entender, e o Linchamento Explícito é muito visível e deveras chocante.

Já o Linchamento Simbólico, reitero que por sua vez não é saudável, muito pelo contrário, é tão violento quanto o Linchamento Explícito, mas sua ocorrência costuma ser consciente para alguns de seus praticantes, o que nem sempre ocorre quando é explícito, que pode acontecer mesmo com a anuência institucional do Estado, e até mesmo com promoção ativa dele. Os símbolos são constituídos de difamação, calúnia, injúria tudo por meio de boatos e fofocas que nem sempre chegam aos ouvidos dos linchados, mas causam extremos prejuízos a estes. Que, sem saber, nada podem fazer. Lembrando que agressão simbólica pode ser Violência Moral, Violência Verbal ou Violência Psicológica. Pode também ser cuidadosamente elaborado por advogados ou marqueteiros para isolar alguém e tomar tudo o que a pessoa tem. Assim como o Linchamento Explícito, no Linchamento Simbólico, quem não participa, se omite para evitar ser linchado junto com a ou as vítima ou vítimas. Este tipo de linchamento segue impune por ser invisível, assim é muito fácil convencer alguém de sua suposta inexistência.

O que é importante noticiar é o fato de que o Linchamento Explícito sempre se inicia com Linchamentos Simbólicos, e o modo explícito costuma ser sempre acompanhado do modo simbólico. Toda violência física coletiva se inicia de maneira moral, verbal ou psicológica. Mas, quando é praticada por uma maioria costuma ser chamada de democrática, e fica tudo por isso mesmo. Assim, ninguém se esforça e tipificar tal anomia, mesmo por que esta é a raiz do poder social, político e econômico em nossa sociedade jurídica-empresarial corrupta e sem mérito.

Assim, é possível que seja tipificado apenas o Linchamento Explícito no país, pois é costume nessas terras deixar impunes os ricos e os poderosos (os mesmos), desde a classe média até a classe alta, e porque o paternalismo que rege nossas leis acredita que apenas os bárbaros (os outros) merecem punição, e os bem posicionados, não. Assim, com a perpetuação dos Linchamentos Simbólicos, tudo continuará igual enquanto enchemos, mais ainda, as celas dos presídio com gente pobre, e os cemitérios com gente nem tão rica assim.

Enigma do Linchamento Decifrado por Cassandra de Delfos.

O Segredo do Camaleão.



esse aí sou eu lidando com o preconceito calculado contra o esquizofrênico (tenho esse diagnóstico). Inspira, expira, mas naum pira. Pelo amor.

Não Vacila em seus Interesses.




Vamos proteger a classe média alta que faz o mesmo, mas não de maneira explícita, mas de maneira simbólica. E vamos logo, que essa classe social não vacila.

Por que será que linchamento não é crime previsto pela justiça, será para defender a liderança política de uma classe social? Mas não deixa de ser anomia, uma coisa perigosa e incontrolável. Anomia é o que escapa à jurisdição da norma.

Viram como foram rápidos em centrar a questão nos pobres?

Ministério da Cultura.

estou aqui, fazendo algo como sempre faço, como se não houvesse manhã, não consigo evitar, virou instinto, e de sobrevivência, é a proximidade de sem-teto

por um acaso, o ministério da cultura deveria se chamar ministério do dinheiro, pois não consegue fazer cultura sem verba, incrível que eu faço (ou tenho de fazer)

incrível o ministério da cultura é ministério do dinheiro, todo mundo faz cultura, nem por isso passou no edital

o problema naum foi não passar no edital, foi ter minha defesa roubada pelos pareceristas fdps da usp, ou outra qq.

Quero Ser Pago por Isto Também.

planejaram o futuro da sociedade e do mercado e me excluíram, vão pagar caro

consenso proposto é o seguinte, trabalhar de graça pros fdps ganharem milhões, vê se eu aceito isso só por ser "doente mental"?

consenso proposto, ir pra miséria por gratidão a playboys estrelinhas, vê se dá?

é para eu ser eu mesmo, mas não sei bem o que significa ser esse eu mesmo que foi programado pela televisão para uma manada

ganho para o bem público é o seguinte, minha autoria sendo desapropriada em direção para cima na hierarquia social

e se eu sou repetitivo, pois sempre falei assim e eram tidos como medos imaginários, bem, é que sempre, desde os 14, fui roubado, não cessou o mal, não cessa a denúncia

Isso se você não cometer o erro de confiar nas pessoas erradas (que eram justamente aquela que mais pareciam certas) e ser roubado, Assim como o Jobs, mas ele já tinha alguma grana quando aconteceu, eu nunca.

p.: O que acontece contigo é azar ou perseguição mesmo?!!!!!

queria saber, acho que começou como azar, e virou perseguição, pois esse tipo de roubo afeta muito a credibilidade do ladrão, então, para não ser descoberto, passa a perseguir para a verdade não aparecer

o certo não é me ferrar e fazer filantropia com os outros, o certo é reparar o prejuízo.

mas é a proposta indecente mais comum de que tenho notícia, o mercado já mandou avisar, se quiser trabalhar, só assim, viro mendigo e pronto!

"Há duas coisas às quais temos de nos habituar, sob pena de acharmos a vida insuportável: são as injúrias do tempo e as injustiças dos homens."

muito bom, todo mundo com quem estudei é pago para trabalhar, só eu que tenho de trabalhar de graça

Incapaz.



Eu sinto o gostinho de ser considerado incapaz, devido à esquizofrenia, a sociedade me interdita logo, e na informalidade visando lucro, mesmo que, formalmente interditado, eu não esteja (ainda).

Quero ser Pago por Isto:

Minha mãe me pediu R$ 50,00, se eu tivesse mais dava, mas o resultado deste preconceito contra a esquizofrenia é trabalhar de graça, desde o tempo de estudante, até hoje. E vivas à formação uspeana de psiquiatras!

Grupo Social para Editais.

Pessoal aceitou a crítica de Derrida, mas não compreendeu bem que era pra aceitar a literatura como prática social, mas que não era pra abandonar todo o resto e transformar a arte em conchavo. Eita pessoal oportunista, sou!

Falta de Quê?

"Porque discriminação é falta de conhecimento." No caso da loucofobia é exceção enunciada e instituída pela ciência e pela USP também. Quanto blablabá.

Que coisa, tem conhecimento que tenho de emudecer, pois mundo acadêmico nenhum o produz, aí, pode deixar que completo a merda da lacuna, e não vou entregar, só vou chantagear, igualzinho a vocês, bem, me aguarde, mundo acadêmico FDP: sei que foi calculado o silêncio.

Batalha contra o preconceito na USP é o Chico Buarque matando descendência da concorrência.

Ovo é Alimento.

"Roberto Amaral: É preciso esmagar o embrião fascista agora"

Espero que esse ovo não seja o meu... Pois, nem dinheiro pro lanche, eu tenho. Vire sua sola pra lá, cínico.

PV, PT, PSDB, DEM, PMDB; quem mais? Ah, militares. Tudo fascista.

pow, tem gente que diz que é proletário, mas e profissional liberal,..

e tem teórico que chama exército de reserva de subproletário,

nunca gostei dessa metáfora.

Desafato.

Às vezes é parar e respirar, pois o preconceito contra o esquizofrênico, que não é tido por preconceito graças às escolas de psiquiatria, enfim, tá foda. Inspira, expira, pra não pirar.

Pra piorar tenho miopia...

Então, não precisa citar o meu nome, manda uma esquizofrenia ali, uma miopia cá, e tchanãn!

Um exemplo era o Luli RatFather nunca falou mal de mim, só falava que um cara grande com pulsos finos era uma aberração lombrosiana... E funcionava.

Classe média alta é um barato mes...

Revisited.

Para Pensar.

achei interessante o Fantástico (de 26 de Julho de 2015), falou de tortura, em Guantánamo e na Fundação Casa, mas por que será que não falou em tortura em presídios e nas delegacias para tirar confissão? 

pois presidiário naum merece defesa?

O que Significa Vencer.

As gatinhas do volei panamericano, me sinto tão tiozão :p

O que vejo de beleza em esportes de alto rendimento é o trabalho bem realizado e a competição saudável, muito diferente (mesmo) dos escritórios-empresas.

(Disfarça)

E na Disputa do Ouro!

Gol olímpico do futebol brasileiro feminino. O que falta de apoio e dinheiro, sobra em talento. Típico por essas bandas.

Entrevista de Lázaro Ramos a Criolo.

desculpe, mas são duas fraudes fingindo humildade para ganhar o público, tá tudo armado até o pescoço

Respota: É uma maneira de ver, pelo menos tais fraudes não levaram R$300 bilhões da Petrobras, ou seja, o que eles falam pouco, ou quase nada, interfere na vida dos bacanas, se é que você me entende, Cristian Korny.

entendo sim mas foram os bacanas que colocaram esses dois aí, justamente pelo motivo que vc citou, naum interferem em nada, se interferissem teriam a mesma sorte do Snowden ou do Assange...

Com vocês, o Festival Coxinha!

"O humorístico 'Zorra', da Globo, exibiu na noite deste sábado (25 de Julho) uma sátira política denominada como 'Festival Internacional do Coxinha'"

é o seguinte, a Rede Globo simplesmente não topa dividir o poder com os milicos, por isso se posicionou contra um golpe, e apoia os fantoches do PSDB,

me lembro que Foucault Futucou essa questã,

no passado o lema do estado era fazer morrer e deixar viver, o governante matava seus inimigos e era indiferente aos aliados,

hoje, é meio contrário,

fazer viver e deixar morrer, dá tudo de bom e do melhor para quem é aliado, e reserva a morte de isolamento e miséria aos desafetos...

naum me surpreende,

o poder tirânico funciona melhor com base econômica do que com base institucional.

o poder das corporações

vide Snowden e Assange...

Foucault: livro bomba, explodiu, não deixou nada além da lembrança pirotécnica do céu noturno, comentário descartável, vamos para outro

Realidade Sertanejo Universitária

naum me choca, tão banal qto essa música para homo oeconomicus/consumens, o sertanejo universitário (apaguei o primário, pois este é uma categoria lógica de difícil apreensão, o banal não)

Realidade Hip-Hop

hip-hop pobre? hoje não mais, tem sempre um político interessado em votos para rolar uma graninha, um espaço na televisão ou um edital

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Enigma do Linchamento Decifrado (por Cassandra de Delfos).

é gente, assim se consuma o poder de nossa mídia, e revela o que é ter poder político, social e econômico no Brasil: me desculpe, mas é preciso problematizar o papel da mídia quando o Estado não se faz presente. linchamento ocorre em todo o Brasil, ninguém fala nisso pois todos são cúmplices, quem não lincha, se omite, essa é a lei. o poder no Brasil é feito disto, veja só, acontece em todos os bairros desde o mais pobre até 0 mais rico,acontece que enquanto os mais ricos podem apelar para o linchamento por violência simbólica, os mais pobres, que não dispões de tais ferramentas, apelam para o linchamento por violência explícita.

Aposto que a técnica da Rede Globo, e mídia submissa em geral, será a de noticiar a Sharia em substituição a noticiar esse fato infeliz.

São Paulo é o primeiro no "ranking"

"Brasil é país que mais faz linchamentos; Rio amarga vice-campeonato nacional

Pesquisa do Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (USP) identifica 1.179 casos de 1980 a 2006, números crescentes."

Agora colo a matéria bem feita do jornal "O Dia":

"Rio - ‘Vieram três pra me matar. Não deixaram nem eu me explicar.” Um susto e ameaça de morte, foi o que aconteceu no ano passado com o ambulante K., de 41 anos. Ele foi confundido com um assaltante no bairro Fonseca, em Niterói, e por pouco não foi linchado. Estudos mostram que o pesadelo experimentado por K. não é uma exceção. Uma pesquisa do Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (USP), que estudou casos de linchamento de 1980 até 2006, constatou que o Brasil é o país que mais lincha no mundo. Nesse período, foram 1179 casos. O Estado do Rio de Janeiro aparece em segundo lugar com 204 justiçamentos. Em primeiro vem São Paulo, com 568. No Rio, o linchamento mais recente ocorreu no domingo passado na Rocinha. Newton Costa Silva, de 54, anos. Newton foi encontrado morto e amarrado em um poste na Estrada da Gávea, depois de agredir com uma barra de ferro um bebê, uma menina e a mãe deles. 

Mortos assim são estudados há quatro décadas pelo sociólogo José de Souza Martins, professor da USP que acaba de lançar mais um livro sobre o tema ‘Linchamentos - A Justiça Popular no Brasil’. Sua última pesquisa traz dados aterrorizantes. Ele analisou 60 anos de justiçamentos e concluiu que mais de um milhão de brasileiros já participaram de tentativas de linchamento no país. No estudo, 2.579 pessoas foram alcançadas por linchamentos consumados e tentativas de linchamentos. Apenas 1.150 (44,6%) foram salvas. Outras 1.221 (47,3%) foram capturadas pela população e agredidas — feridas ou mortas. “A tendência dos linchamentos é crescer, porque as instituições públicas não se mostram eficazes no cumprimento de suas funções”, resume o sociólogo. Em sua visão, os linchamentos são acontecimentos punitivos e de ódio. “Os linchamentos expressam uma crise de desagregação social. São muito mais do que um ato a mais de violência. Expressam o tumultuado empenho da sociedade em ‘restabelecer’ a ordem onde foi rompida. Esses linchamentos, são claramente punitivos e, na maioria das vezes vingativos”, conclui o autor, professor catedrático da USP.

Agressores gostam de se filmar

A autora da pesquisa do Núcleo de Violência da USP, Ariadne Natal, alerta para um outro problema. De acordo com ela, o recurso da tecnologia (filmagem) nesses atos, são vistos de uma forma positiva para os agressores. “Aqueles que filmam e compartilham destes vídeos, estão alimentando a visibilidade do ato. Esse fenômeno, que se limitaria a um contexto local, ganha uma dimensão muito maior. A exposição dos casos pode ter um papel de difundir a prática e criar um ambiente favorável a novos casos linchamentos”, disse a pesquisadora. Ainda segundo ela, os comentários destes vídeos parabenizam os populares pela ação. Com isso, fica claro que aquele tipo de ação não é condenável, mas aceitável e até mesmo desejável.

Identidade com a vítima

O perfil de quem agride ou lincha alguém não é totalmente conhecido. Segundo a psicóloga Aline Gomes, o comportamento agressivo e a atitude de atacar, tomada por um cidadão de bem, podem ter relação com a identificação da pessoa com o agredido. “O que faz essa pessoa que nunca se envolveu em uma briga agir assim são os valores que a regem. No momento em que algum ato fere a moral deste cidadão de bem, ele passa a querer justiça”, resume. Normalmente a identificação com a vítima aflora o sentimento. Essa pessoa passa a ter um comportamento agressivo porque se põe no lugar da vítima. Nesse momento, sua parte racional fica apagada e somente a parte emocional ‘comanda’. “Ela então toma atitudes irracionais”, comenta a psicóloga.

OAB condena barbárie e separa justiça de justiçamento

“As iniciativas de linchamentos são abomináveis, pois somente agravam e estimulam a violência, não sendo solução nem para o desejo de justiça e nem de segurança”, resume o vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB-RJ, Aderson Bussinger. Quando um grupo resolve espancar pessoas que considera criminosos, é sinal de barbárie, de retrocesso social, segundo o representante da OAB. “Além de um crime não justificar outro, nada assegura que as pessoas linchadas sejam realmente culpadas, pois não passaram por um processo de apuração e julgamento”. Bussinger insiste que os linchamentos merecem repúdio. “Aquele que lincha supostos criminosos hoje, poderá ser o linchado de amanhã”. conclui o vice-presidente. “A vontade de justiça deve ser canalizada para cobrar soluções do Estado para os graves problemas de segurança que vivemos”."

Reportagem do estagiário Vinícius Amparo


Clique em: Mais do Mesmo Terror.

e viva a rede globo que é o patrocinador oficial do linchamento no Brasil!

sábado, 25 de julho de 2015

Eu Sou Eu, me Disse o Óbvio.

tudo é empresa, o mundo é empresa, sua casa é empresa, seu bairro é empresa, sua família é empresa, sua sala de aula é empresa, o corpo é empresa, o amor é empresa, o sexo é empresa, você é empresa, o manicômio, a prisão, o condomínio, tudo na televisão também, seja você mesmo para ganhar dinheiro, empreendedor de si-mesmo, é noise \m/

tenha para ser feliz!

(cê acha?)

sexta-feira, 24 de julho de 2015

Título de Pobreza.

Na direção do milgrau de especulação. Quem sabe o que fazer com dinheiro não o tem. E quem tem dinheiro não sabe o que fazer com ele, acha que serve apenas para comprar títulos do governo e viver de renda. Terror sem fim não é a situação do Brasil, é do mundo, mas a realidade que se espreita em que, a qualquer momento, título público nenhum valerá absolutamente nada. O nada. O certo seria investir em gente que é o fato concreto impensável pelos economistas de plantão. Vamos voltar a se alimentar, se vestir, morar, fabricar, construir, cuidar e criar? Ou vamos para a terceira guerra mundial a megatons, paus e pedras. Kepler 452-B está longe demais no tempo, no espaço e na história.

Brinca e Briga.

Pow, todos vêm ao facebook pra ficar brigando, usem sua rebeldia de maneira produtiva, naum briguem contra seus pares, briguem contra seus superiores, falei.

Zappa.

Sonho da Infância.

Meu sonho de infância era namorar uma namorada bonita, alguém acredita que nunca realizei? Nunca tive namorada, quanto mais bonita. Risos. Acho que nesse mundo quem mais tem é quem menos dá valor. Sério.

existe amor à primeira vista?

tem tesão amor e paixão juntxs ou separadxs à primeira vista sim

mas no momento em que existe já frustração

então é tesão amor e paixão juntos ou separados à segunda vista

mas... 
no momento...

manter a vibe dá trabalho que vale a pena

nem todxs instigam até a segunda vista

desejo de manter amor tesão paixão após a primeira vista

sem burocracia

de outra forma é comodismo alienação propriedade e política

Verdadouro.

a verdade, e nem sou dono dela, é quem além de ninguém ter a menor ideia do que faz no mundo, não largam o osso já sem nenhum tutano, cartilagem, tendão ou carniça, e naum se convencem da própria ignorância para dar passagem a quem está apenas rumando, sim o mundo nunca precisou tanto de inteligente e rápida gente também para dar sentido à queda veloz, inalcançável, pelo contrário, tampam as orelhas e como menininhas fazem lalalalalá evitando ouvir a dura realidade, a situação é grave mas conegue resolver aquele que antes de entrar no voo já programou o desastre mirando nas saídas de emergência e consegue pensar mesmo imerso em outro desespero.

EU.

kkkkkkkkkkkk

Exu.

Vendendo Facilidades.

O Jornal da Globo enchendo a boca pra ludibriar o jovem sem experiência, mas com um curso técnico, anota aí, naum vai ter vaga na gerência para todos e quando importarem novas técnicas normativas, ele, já naum tão jovem deve ficar sem emprego, e sem oportunidade pois não é mais ingênuo para a indústria explorá-lo ao máximo. Naum estou enganando ninguém, nem aumentando a demanda por vagas,e, desse jeito, a procura, e o barateamento da mão-de-obra, assim, desse jeito, com uma mentira oculta no horizonte.

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Trabalho de Gênio.

Não sei se foi Leonardo DaVinci ou se foi Benjamin Franklin, ou ambos, que definiu genialidade como 98% de transpiracão para 2% de inspiração. Que qualquer um pode ser gênio seguindo tal receita contábil. A crítica é sobre o poder da ralação, pois ninguém é gênio se não souber trabalhar a ralação com critério e inteligência. Não basta ralar mecânica e repetidamente, desgostosa e desligadamente, a mando de alguém ou sem pensar. Maior é a piração entre a transpiração e a inspiração. Amem!

A Ficha Só Caiu Agora.

Coldplay: this could be para para paradise. Essa canção surgiu há dois anos, contrariado, dei razão a ela. Que sorte, hoje eu sei que foi a coisa certa de se fazer. Este é o paraíso. Uma vida confortável não seria tão fértil que eu precisaria roubar ideias para viver. Aquilo que mais abomino.

Toda Lei de Newton.

Cinema de Miyazaki san.



Amo de paixão a sonoplastia de Hayao Miyazaki. Na verdade, não sei do que gosto mais em Miyazaki san. A verdade no sofrimento humano de seus personagens. A homenagem rendida à fome em cada filme, ou o valor de um trabalho honesto. Aquela qualidade que vem donde se menos espera. Ou, talvez seja amor apenas, amor ou águas.

Invenção.

descobri o amor, desconhecia-o, percebi-o em 1999, e quer saber que não lhe privarei deste prazer, leitor, contando-o, talvez, um dia, quem sabe, eu monstro, bjs.

Bolsa-Miséria.

"Juca Ferreira: “Crise fez emergir lado reacionário da sociedade brasileira”"

Vamos chamar pareceristas para resolver ditando quem pode e quem não pode trabalhar da maneira mais corporativa possível. Eu escrevi "corporativa"? É eu escrevi. Então, vamos regular as opiniões no nascedouro para garantir os nossos no cenário, assim como fazemos com as artes e a cultura. Apenas para elites. Todo poder aos pareceristas. Funciona assim: os pareceristas formam gente na universidade com um discurso X. Nos editais o discurso X é usado e aprovando o artista que o utilizou. Assim, quem não tem muita leitura não percebe o golpinho. Eu não sei realmente quem é pior, ou menos corporativista, o departamento de marketing de uma empresa, ou uma universidade (pública) que forma para o mercado. Não sei mesmo.

Bloqueiro.

"Blogueiro que denunciou estupro envolvendo filho do diretor da RBS é encontrado morto."

aqui devem matar a família inteira de isolamento e miséria (os mesmos)

Desenho Animado.

"SBT estreia desenho com romance lésbico no 'Bom Dia & Cia'"

eu confio na sinceridade das pessoas ao seguirem suas escolhas, é importante que as crianças amadureçam na tolerância para com os diferentes, na minha opinião a emissora acertou, não creio que haverão mais homo-afetividade devido ao desenho, apenas mais gente deixando de esconder o que são, sou a favor, eu assistia A Princesa e o Cavaleiro (The Princess Safire) nem por isso fui induzido, também acho que devemos confiar em nossas crianças, pois, pela confiança, se tornam adultos maduros e éticos, independentemente de preferência sexual.

segunda-feira, 20 de julho de 2015

Carta de Um Sem-Teto.


“Need work. Need help. Seriously lost.”
“I think it’s because they need a job for one and because I’m young and fit and no dependencies I’m on the bottom of the priority list but it’s killing my mental health.
I write my C.V.’s like this because I don’t have anything to put on it,
I worked as a motorbike mechanic for 2 years but that was from the start of year 9 to the end of high school on a course and my boss stopped picking me up 2ish weeks before I was supposed to finnish and left me with no grades or experience proof.
Very fast learner and hard worker.
Can I afford not to be?
Any Chances?”

pode ser o meu currículo, principalmente a parte em que menciona não haver provas de sua experiência...

e a parte de "teaching him cooking and social skills" é a cara da minha família, só acrescentaria aí uma sociedade que no lugar de ensinar, desencaminhou, distorceu, bando de playboys de classe média alta...

e fizeram isso rindo e colocando na televisão, claro, escondendo nomes, fatos e locais...

Padura.

"Padura dá chinelada histórica em repórter da Veja"

Minha mãe pegou dinheiro emprestado no banco para comprar comida, eu sequer consigo entrevista de emprego, agora, acabou o crédito, o dinheiro e a comida. Existe mais fome em um quarteirão de SP do que em toda a Cuba. Mas sobra mercado de bens simbólicos para me desapropriarem (roubarem ideias, para ser claro), e ganharem dinheiro com elas. Quem mandou eu não nascer classe média alta?

"esse ranço capitalista do Brasil imperial não pode aceitar a liderança de homens e mulheres que não são de sua entranha, mas definitivamente tendem a ser e representar as imensas maiorias" (Pepe Mujica)"

ela afirmou que recentemente visitou Cuba e viu muitas pessoas passando fome, ele "Tem mais gente passando em qualquer quarteirão em SP do que toda Cuba" , logo deve aparecer um video

Lá foi minha mãe no supermercado, pois dois dias sem comer é insuportável, para comprar comida no cartão de crédito. Quando eu souber de explosão de caixa eletrônico vou comemorar. Solidário com eles, como eles são comigo.

Ela voltou desmaiando do supermercado, deve ser de fome, dois dias, quero ver quem suporta... Como ela foi com o imbecil do surfistão fortão, trouxe algumas coisas supérfluas, como coca-cola, por exemplo. Agora, recobrando as forças fez um bife. Comida até segunda, é assim, se come dois dias,, se passa fome os outros dois. Depois parece que meu ódio da e à vizinhança simbolicamente linchadora é despropositado. Eu nem quero ser santo, se pudesse respondia a tudo com as mesmas moedas podres.

Padura II.

"Augusto Nunes aparelhou de tal forma o Roda Viva que ele, como moderador, pode fazer secretamente perguntas que serão lidas por entrevistadores. A revelação foi dada por uma vítima de Augusto, uma jornalista da Veja que passou por um ridículo nacional ao fazer uma pergunta absolutamente descabida ao escritor cubano Leonardo Padoura." (DCM)

Depois a TV Cultura perde todos seus atrativos, não consegue apoio financeiro junto ao patrocínio por causa do público, tem de demitir, e todo mundo fica se perguntando o porquê... tem dó, viu?

23-07-2017

Está Muito Difícil a Vida.

Essa tomada da nossa moradia vai além de um ato contábil, o estresse está arrasando minha mãe, matando mesmo, e a falta de dinheiro, por causa de despesas, sufocando a gente. A justiça não vê nada disso, ela é apenas formalidade racional? E tudo que essa droga de indústria cultural me roubou, arrasando minha vida profissional e me fazendo um indigente, fica por isso mesmo? Linchamento feito por classe média alta é assim, e linchamento não é crime previsto no código penal. Por que será? Será por que linchamento é crime cometido por lideranças políticas de bairros? Perguntar não ofende.

Reação.

Acho que vou mandar meu currículo pro Palácio do Planalto, pois eu sei reagir e não ficar de autismo. A não ser que o projeto seja esse mesmo de sucumbir no conforto.

Democracia e Mercado.

"A nossa democracia está sob ataque; é preciso construir já uma força política capaz de reagir à escalada fascista"

ninguém vê vantagem de fato na democracia, pois acreditam que estão vivendo numa democracia, mas é preciso mostrar que não há democracia nenhuma, quando se vai ao trabalho, na empresa, que se diz democrática, não é, é o espaço despótico de seu dono, o povo precisa ver que democracia é bom, e desconhecem que podem viver nela.

É Sério.

Satan.

Só Comentando.

‘A Globo é o principal agente da imbecilização da sociedade brasileira’

concordo completamente com ele, e vou além, no tecido social cotidiano e real em que a Globo opera na sociedade, seu vizinho, seu amigo, seu patrão

você tem razão, e a velha mídia é tão corrupta quanto seus compradores

O Preço da Correção.

"Dilma paga um alto preço por sua correção e honestidade, diz Ministro da Justiça na CPI da Petrobrás"

Sim, com certeza, se a Dilma fosse corrupta e se juntasse aos corruptos para fazer algum bode expiatório que levaria toda a culpa sozinho, teria apoio, inclusive, da Rede Globo e da velha mídia corporativista. E a população seria feita de trouxa mais uma vez, como sempre, por desconhecer como acontece a política brasileira.

O Gato de Frida Kahlo,

O Pombo.

Cunha age igual a alguns amigos (ex-amigos, ou fdps se preferir), que quando começavam a perder no xadrez, no poker, no war ii ou no tiro-ao-alvo, paravam de jogar...

"Saiba quem é o intimidador que Eduardo Cunha usa para amendrontar testemunhas."

Poisé... o PMDB joseense usa tática semelhante para manter essa família aqui na miséria há décadas, pois roubo de bens autorais abala a credibilidade de qualquer um... Já sei de qual PMDB esse PMDB é... fodam-se!

"Morto politicamente, Cunha segue como zumbi, até que venha a estaca no coração"

Preparem-se, Cunha é a versão atualizada do Roberto Jefferson.

falta botar a roupinha de Roberto Jefferson, criar uma ficção sobre a Dilma e o Lula, e comparecer numa CPI com ampla cobertura da Globo...

Comida e Demanda Criada.


a quentinha caseira do boteco é mais gostosa, maior e mais barata, mas não paga propaganda na televisão

Estado Bestial.

"A GUERRA DAS DROGAS, O ESTADO-COVEIRO E O ESTADO-PRISÃO."

esse é o viés da televisão, onde se exibe um excesso de criminosos pobres, e quanto aos ricos, bem, eles comanda a sociedade, a economia e a política, e não me refiro apenas a governantes não!

"em abril deste ano, também na Grande Belo Horizonte, uma policial civil, escrivã, foi com o marido verificar a origem de tiros ouvidos perto de sua casa, e se deparou com um grupo de policiais militares à paisana fazendo tiro ao alvo em uma mata. Segundo ela, eles teriam 'mexido' com a escrivã, que pediu que se identificassem ao ver que estavam armados. No tiroteio que se seguiu, a policial foi baleada na barriga e o marido morreu, atingido por oito tiros."

CPI Planejadas para Nunca Chegarem ao Fim.

“Nunca vi uma vergonha tamanha na história do Congresso”, diz Randolfe sobre CPI do HSBC

“O que aconteceu foi o sepultamento de uma CPI da forma mais escandalosa que poderia ser vista” Acontece que nunca quiseram CPI nenhuma, a ideia é juntar os sepultadores para sepultarem no momento certo. Foi uma fraude desde o início. É fácil entrar na mente de um político, basta que se pense com a pior mentalidade que se tem, e pronto, você sabe o que se passa na cabeça deles.

Cybercrimes e Sensação de Impunidade.

Un cibercriminal de 20 años se convierte en la pesadilla de los bancos brasileños

"Um Cibercriminosos de 20 anos se torna o grande pesadelo dos bancos brasileiros" bem feito, os bancos brasileiros merecem, torço pelo cibercriminoso, pois o dinheiro que tenho lá é tão pequenino que ele nem terá interesse nenhum ali. Jogaram os clientes para a internet e para os caixas eletrônicos para diminuir os custos. Aumentando o lucro transferindo o perigo para longe do dinheiro, mas para perto do cidadão comum. E, agora, azar o deles, ninguém mais se comove.

Pôr-do-sol visto do espaço (ISS).


bom dia
luz do dia
noite escura
noite e dia
luz da lua
luz do sol

Freud.


acho graça usar a frase de Freud de maneira normativa, deve ele rolar no túmulo... por mais antigo que o Dr. Sigmund seja, não o vejo dando lição de moral em ninguém, quanto mais de moralismo.

O Mundo Dá Voltas.

isoladores sendo isolados como tem de ser

"Após anunciar o rompimento e ameaçar "explodir o governo", Eduardo Cunha foi para o tudo ou nada. Ocupou o centro do palco da mídia o dia inteiro. E terminou esta sexta-feira isolado no PMDB, sem receber o apoio nem da bancada suprapartidária do baixo clero que ele montou para se eleger e comandar a Câmara como bem quis _ pelo menos, até agora."

"Netanyahu cada vez mais isolado — Israelenses e palestinos criticam a inércia do premier nas negociações pela paz no Oriente Médio"

sábado, 11 de julho de 2015

Existir para Outro.

— Precipício vamos trocar uma ideia? você deve ser um cara muito profundo,..
— Meus segredos são apenas para quem puder me decifrar.
— O segredo do precipício será revelado a quem for tão profundo quanto ele, não temas o fundo do poço.
— Nada temos a dar, a não ser o precipício...

meu site
facebook/cristian.korny
website musikisses
myspace/cristiankorny
soundclouds
twitter/qryz

O Festival de Música de São José dos Campos.


Estou escrevendo esta carta eletrônica para dizer que repensei tudo o que imaginava sobre um festival de música em São José dos Campos, após a reunião de segunda-feira, dia 06 de Julho de 2015. A única em que fui, pois não fui avisado, enfim...

A Fundação Cultural Cassiano Ricardo pode insistir em montar um palco não competitivo e assim mais cômodo para os mesmos artistas de sempre que não decolam nem saem de cena.

OU

Pedir como inscrição de uma música no formato MP3 (MPEG-1/2 Audio Layer 3) ou letra escrita em uma folha de papel em cifragem americana (A, B, C, D, etc...) para um festival competitivo sob consulta do público. No qual cada músico participará com apenas uma música, e no qual o público se sentirá parte também por estar nas mãos deste a decisão da escolha da melhor música. Evento em que participará todos os inscritos e terá a duração suficiente para que todos eles se apresentem com sua peça musical.

Desta maneira, o próximo ano, que é eleitoral, será feliz para todos, para a prefeitura, que poderá afirmar sua crença numa democracia cultural e popular, para os músicos, de qualquer nível profissional, que terão a experiênca em par de igualdade em um evento pago com dinheiro público, e para o público que se engajará num projeto cultural, não sendo apenas manada passiva para fins de formação de plateia, mas participando ativamente do espetáculo.

Um jogo em que todos ganham.

Alguns detalhes técnicos são de fácil resolução. Hoje, os equipamentos digitais podem armazenar o resultado de uma passagem de som. Uma boa cenografia pode dividir o palco único de maneira que não haja interrupção de som com troca de músico. Pode-se acordar o horário de chegada de cada artista de maneira a não haver faltas, e sortear o horário de cada apresentação. Entre outros.

Isso aí, um festival plenamente representativo.

sexta-feira, 10 de julho de 2015

Vida Extraterrestre (Risinhos).


Existe vida fora do planeta Terra? Ué, claro que existe, afinal, todos os astronautas estão vivos lá na estação espacial internacional nesse momento, e, tecnicamente, estão fora do planeta Terra. Extraterrestres. Está provado. C.Q.D. :p

meu site
facebook/cristian.korny
website musikisses
myspace/cristiankorny
soundclouds
twitter/qryz

terça-feira, 7 de julho de 2015

Soluções Inteligentes para a Miséria Econômica.

Hoje à noite, fui a uma reunião da Fundação Cultural sobre um festival de música na cidade, foi a terceira reunião, as outras duas foram na surdina. Devo ficar de fora, infelizmente, pois é dinheiro público mirando a eleição do ano que vem, e eu não sou relevante socialmente. Musicalmente não interessa para eles. Alguém disse que ninguém estava pensando no público. Eu estou, sempre estive, existe uma onda de necessidade de musica boa e de música nova, mas esse pessoal só quer saber de fazer quantidade na plateia. Espero que minha palavras não sejam desapropriadas pelo marketing de artistas desse tipo, que não pensam música, só pensam fama e grana. Política de merda. Dinheiro público, e ficar de fora por que o cidadão não tem recursos é sintomático. Um dia conseguirei bolsa-família, depois da reeleição do PT aqui na cidade, bolsa-família não é esmola, é financiamento de exercito de reserva, quem leu Marx sabe o que seja isto. E esse pessoal da política bem que poderia ajudar as pessoas a sair da miséria de uma maneira um tiquinho mais inteligente. Fica assim. Volto para o meu mundo e passo a pensar somente em música, mas fica aqui meu protesto-desabafo.

meu site
facebook/cristian.korny
website musikisses
myspace/cristiankorny
soundclouds
twitter/qryz

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Show de Caetano em Tel Aviv II

"Pesquisas indicam que impressionantes 95% do público judeu israelense apoiaram os bombardeios a Gaza em 2014 (561 crianças mortas), 75% não apoiam um Estado palestino baseado nas longamente negociadas fronteiras de 1967, e 47% acreditam que os cidadãos palestinos de Israel devem ser destituídos de sua cidadania. " Citado da carta de Roger Waters a Caetano e Gil. Ingenuidade versos fatalismo.

Esse consenso foi construído pelo poder da mídia, cidadãos israelenses hipnotizados pelo medo dos fanáticos terroristas palestinos, como deve dar na televisão de lá, da mesma forma como se construiu o consenso aqui no Brasil de que a maioridade penal deveria ser reduzida por causa dos marginais assassinos impiedosos que são os jovens que cheiram craque, como dá na televisão daqui. A mídia de Israel, e daqui do Brasil, como no mundo todo, só cria distorções, Isso tem que acabar, todos têm direito à liberdade de expressão, não apenas meia dúzia de grupos econômicos. Viva a Grécia! Berço da civilização de novo!

"libertar não só o povo palestino do jugo da opressão israelense, mas também o povo israelense da opressão de seu próprio excepcionalismo e dogma, que é fatal a ambos os povos." Citado da mesma carta do Roger Waters a Caetano. Nesse compasso o objetivo é deixarmos de ser reféns da mídia.

Mas por que ninguém na mídia critica a mídia? Incrível como são perfeitos em apenas, "apenas", passar a mensagem.

Pesquisar este blog

 
Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.